Blog Visitar Portugal

Home

Para o menu | Para a pesquisa

Ir para "Visitar Portugal" (www.visitarportugal.pt)

As vias ou estradas romanas, existem há 2000 anos e continuam a ser utilizadas

, 19:14

Via Romana em Póvoa de LanhosoCom a expansão romana foram construídas vias ou estradas a partir de 300 a.C. para facilitar a deslocação dos exércitos, dos funcionários e dos civis entre todo o Império Romano e para permitir a sua expansão e consolidação.

Desde pequenas estradas locais até vias amplas e de muitos quilómetros de extensão, eram construídas com o devido cuidado para a drenagem das aguas da chuva e ladeada por um caminho pedonal. Muitas das estradas ainda existem ou foram transformadas em estradas modernas.

A grande amplitude da rede viária romana ao longo de toda a Europa levou à célebre expressão "Todos os caminhos vão dar a Roma". Sendo Roma o centro do império, toda a rede se concentra naturalmente nessa cidade.

Em Portugal as mais conhecidas vias romanas eram as que ligavam as principais cidades, Lisboa, Porto, Braga, Coimbra, entre outras.

Em Visitar Portugal estão apresentados muitos exemplos de antigas vias romanas que, apesar de terem mais de 2000 anos de idade, continuam a bem servir o seu propósito inicial, a ligação entre as cidades.


Ponte Romana em Safara, MouraQuando era necessário atravessar rios, eram construídas pontes, desde poucos metros de comprimento até algumas dezenas de metros. A maior parte dessas pontes continua de pé a fazer o seu serviço. Algumas das pontes tiveram que ser substituídas por outras mais modernas, devido principalmente à sua pouca largura que não permite a circulação de veículos automóveis, outras porque entretanto começaram a ficar degradadas e em perigo de caírem.

Fotos: Via Romana em Póvoa de Lanhoso, Braga e Ponte Romana em Safara, Moura, Beja

Mais informações: Vias Romanas e Ponte Romanas